LUCIANA BORTOLETTO

Criadora-intérprete de dança, coreógrafa, pesquisadora, educadora do movimento, poeta de haicai. Dirige o …AVOA! Núcleo Artístico, com criações coreográficas em contexto urbano, ações micropolíticas, como: Mapa Percurso Geopoético, GIRE – Grupos Independentes em Rede e Corpo Coletivo Movente e os seguintes projetos de fomento à dança: “Urgência – A cidade do Avesso”/2010; “Corpo poético, Corpo político”/2013; “Entrespaços: Relações possíveis no encontro com a rua”/2014; “Vir-a-Ser”/ 2016. Em 2018, realizou mediação no projeto “Ensaios Coreográficos”/TUSP e fez parte da Comissão de Seleção da 25ª. Edição do Programa Municipal de Fomento à Dança (SMCSP). Em 2014, integrou a comissão PROAC Editais – n. 04/ Dança. Em 2012, a convite da UFU-MG, realizou roda de conversa, workshop e performance, no seminário “Temporal: Improvisação e Composição em tempo real”. Em 2010, integrou a comissão para o edital “Novos Coreógrafos – Site Specific”, do Centro Cultural São Paulo. De 2011 a 2014 trabalhou no Programa Vocacional (SMCSP): foi artista-orientadora de dança, coordenadora artístico-pedagógica de equipe do Projeto Vocacional Dança e geral do Projeto Vocacional Artes Integradas. Educadora no CLAC – Centro Livre de Artes Cênicas de São Bernardo do Campo/2014. Banca avaliadora de TCC (espetáculo) de graduandos em Dança da Universidade Anhembi Morumbi. Recebeu o Prêmio Denilto Gomes 2013 (Cooperativa Paulista de Dança), pela criação e performance em Solo de Rua e SESI Dança – 2007. É professora na Sala Crisantempo e Aqui, Ali Dança e Cultura e desenvolve o projeto sociocultural, artístico-pedagógico: Dança-Haicai – Poesia e Dança na Cidade, em parceria com Aqui, Ali Dança e Cultura, no Palacete Teresa, centro histórico de São Paulo.

Ao lado do fotógrafo de cena Gil Grossi, atuou como fotógrafa assistente por oito anos, desenvolveu projetos de dança e fotografia (Fotodança) e criou o …Avoa! Núcleo Artístico, em 2006.

A base de sua formação e de pesquisa artística ocorreu no Estúdio Nova Dança, entre 1998 e final de 2006 onde também atuou na equipe de professores de 2003 a 2006. Também se deu no estudo da Mímica Total, com Luis Louis desde 1998. A foto e a poesia acompanham essa trajetória.